Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2017

NR 4 – SESMT

NR 4 – SERVIÇOS ESPECIALIZADOS EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA E EM MEDICINA DO TRABALHO
Esta norma estabelece as condições em que as empresas privadas, públicas ou órgãos públicos da administração direta e /ou indireta, que possuam colaboradores regidos pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), irão estabelecer e coordenar os Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), com o objetivo de proporcionar a saúde e preservar a plenitude do trabalhador, no seu ambiente de trabalho.

Esta norma está respaldada no artigo 162 da Consolidação das Leis do Trabalho  – CLT.

NR 3 – EMBARGO OU INTERDIÇÃO

NR 3 – EMBARGO OU INTERDIÇÃO
Esta norma estabelece as condições em que as empresas e estão sujeitas ter a interrupção de seus serviços, máquina, equipamentos e/ou procedimentos, conforme investigação realizada pela fiscalização trabalhista, no qual é passível adoção de ações punitivas, relativo À segurança e medicina do trabalho.
O objetivo desta norma é que os locais em  que os colaboradores irão laborar sejam seguros e isentos de doenças do trabalho.

Está respaldada no artigo 161 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT.

NR 2 – INSPEÇÃO PRÉVIA

NR 2 – INSPEÇÃO PRÉVIA
“estabelece que todo estabelecimento novo, antes de iniciar suas atividades, deverá solicitar aprovação de suas instalações ao Órgão Regional do Mtb que, após realizar a inspeção previa, emitirá o “Certificado de Aprovação de Instalações – CAI”.
O objetivo é que a empresa apresente prova documental que demonstra que está isenta dos riscos de acidentes e/ou doenças ocupacionais. Caso não atenda o ordenado acime do Ministério do Trabalho, fica propenso ao impedimento de suas atividades.

Está respaldada no artigo 160 e 161 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT.

NR 1 – DISPOSIÇÕES GERAIS

NR 1 – DISPOSIÇÕES GERAIS
Determina o âmbito de aplicação:
“empresas privadas e públicas e pelos órgãos públicos de administração direta e indireta, bem como pelos órgãos dos poderes legislativo e judiciário, que possuam empregados regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho – CLT”.
Conceitua empregador, empregado, estabelecimento, setor de serviço, canteiro de obra, frente de trabalho e local de trabalho.
Estabelece os deveres da empresa e as incumbências do empregado.

Está respaldada nos artigos 154 a 159 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT.

Segurança do Trabalho nas Empresas

Imagem
Dia a dia, cada vez mais a concorrência do mercado exige mais das empresas e por sua vez  exige também dos colaboradores.  É necessário empresas e pessoas mais qualificadas e preparadas para enfrentar a competitividade profissional e empresarial.
Hoje, século XXI, toda empresa que deseja fazer parte do mercado global, tem como diretriz o desenvolvimento de suas atividades produtivas,  vinculadas ao bem-estar (físico, emocional, profissional, ...) de quem o produz.
Acidentes no Trabalho e suas consequências
Sabemos que os acidentes  sempre tem uma causa. Não ocorrem simplesmente por acaso. Ao longo da história do trabalho e  indústria,  houve um avanço crescente no sentido de evitar esses acidentes e melhorar as condições , tanto da mão de obra,  como do ambiente de trabalho.
É verdade que já conquistamos muito. Mas apesar de todo avanço, conscientização e investimento na área deSegurança do Trabalho, as estatísticas nos mostram que os acidentes continuam acontecendo.


E essa situação gera…